O que fazer na Praia do Rosa: Imbituba – Santa Catarina

Saiba tudo sobre a Praia do Rosa e planeje sua viagem! Veja como chegar, as melhores praias, trilhas, restaurantes, hotéis, pousadas e mais.

Quem busca um destino praiano com estilo, não pode deixar de conhecer as belas praias do litoral catarinense. Fica ainda mais interessante para quem curte uma “surftrip” já que por lá há praias mundialmente famosas pelas ótimas ondas e frequentemente presentes no circuito mundial.

Localizada no município de Imbituba, a 90 km de Florianópolis, a Praia do Rosa é o lugar ideal para quem procura tranquilidade, atividades ao ar livre e paisagens de tirar o fôlego. E como se não bastasse, a gastronomia da região é muito saborosa.

Vem com a gente e conheça esse destino incrível no litoral sul de Santa Catarina!

Onde ficar na Praia do Rosa
Praia do Rosa

Navegue por tópicos

O que fazer na Praia do Rosa?

Praias

Visitar as praias da região é certamente o principal atrativo e um convite ao relaxamento. Listamos abaixo as nossas preferidas:

Litoral Praia do Rosa
Localização geográfica das praias mencionadas | Fonte: Google

Guarda do Embaú

A Praia do Embaú fica um pouco mais distante do Rosa (aprox 30 km ao norte), mas ainda assim vale a pena a viagem para conhece-la. Para chegar até ela é necessário pegar um táxi-barco (pago) e atravessar um pequeno trecho do rio da Madre.

A praia conta com barracas que vendem comida e bebidas, além de locação de cadeiras e guarda-sol. As Dunas da Gamboa completam o cenário entre a praia da Gamboa e a Guarda do Embaú.

Portal da Guarda do Embaú
Portal da Guarda do Embaú com táxi-barcos logo a frente
Guarda do Embaú
Guarda do Embaú
Guarda do Embaú
Dunas próximo a praia na Guarda do Embaú

Praia do Siriu

Localizada a pouco mais de 20 km ao norte do Rosa, a Praia do Siriu tem o diferencial de abrigar dunas e o rio Siriu que desemboca no mar ao sul. Tem estrutura de bar e banheiros.

Praia de Garopaba

A Praia de Garopaba fica a 16 km ao norte do Rosa, bem pertinho do centrinho de Garopaba. É tranquila, e bastante urbana, com ótima infraestrutura de bares.

Praia do Silveira

A Praia do Silveira é mais tranquila e isolada em comparação com a anterior, talvez pela dificuldade de chegar até lá, oferece pouca estrutura. É perfeita para se conectar com a natureza e curtir os esportes aquáticos.

Praia da Ferrugem

A 17 km ao sul do Rosa, a Praia da Ferrugem é tipicamente de surfe com mar agitado, mas também tem muito a oferecer pelas suas águas límpidas e vibe local. Tudo muito tranquilo e sem muvuca aliados a natureza próxima a orla.

No extremo norte da praia fica praticamente a única opção de estabelecimento: Bar do Zado.

Bar do Zado
Praia da Ferrugem | Imagem: Bar do Zado

Praia da Barra

A Praia da Barra fica ao lado da Praia da Ferrugem, porém é bem mais pacata e tranquila, já que não tem estrutura de bares e restaurantes.

Praia do Ouvidor

Localizada a apenas 8 km do rosa, a Praia do Ouvidor é pequena e conta com algumas barracas de praia. A tranquilidade e a natureza são o que te esperam nesse lugar.

Praia Vermelha

A Praia Vermelha é praticamente vizinha ao Rosa e acessada pela trilha de mesmo nome. A dificuldade de acesso a torna um lugar particular para quem chega lá.

+ Encontre seu hotel na Praia do Rosa e garanta os melhores preços!

Praia Vermelha
Vista da Praia Vermelha a partir da trilha
Praia Vermelha Sul
Praia Vermelha Sul

Praia do Rosa

O Rosa é certamente a praia mais famosa e badalada da região. Mesmo estando hospedados no centro, é de se pensar em ir até a praia de carro, principalmente se estiver com crianças, uma vez que há trechos de floresta e propriedades particulares entre o centro e a praia.

Em resumo, dependendo de onde você estiver hospedado, será necessário caminhar mais de 1 km (incluindo trechos com ladeira íngreme).

Vamos lá! A estrutura local oferece boas opções. O ponto negativo fica para a sujeira deixada pelas festas em dias mais agitados, principalmente na alta temporada ou durante os campeonatos de surf.

Praia do Rosa
Vista panorâmica da Praia do Rosa
Praia do Rosa
Piscina natural – Rosa Sul

Praia do Luz

Aqui vai mais uma praia para os que curtem tranquilidade e pouco agito. Destaque para a ilha do Batuta logo em frente. Não espere muita estrutura. Muitos chegam até a Praia do Luz através das trilhas, mas também é possível chegar com seu carro (5 km ao sul do centro do Rosa).

Praia do Luz
Vista da Praia do Luz a partir das pedras
Ilha do Batuta
Ilha do Batuta em frente a Praia do Luz

Praia de Ibiraquera

O braço que liga a lagoa de Ibiraquera ao mar a separa da Praia do Luz.

Lugar ideal para curtir um banho de água doce na lagoa de Ibiraquera e ao mesmo tempo praticar esportes aquáticos como wind e kite surf. São menos de 15 km de distância do centro do Rosa. A praia é relativamente extensa e com grande faixa de areia. Muito boa para quem gosta de correr na orla.

Trilhas

Os amantes das trilhas e da natureza não vão se decepcionar, pois quase todas as praias da região tem a sua trilha com diferentes grau de dificuldades.

Trilha do Rosa e Ibiraquera

Trajeto bem leve e demarcado que liga a Praia do Rosa (sul) a Praia do Luz. É de fácil acesso e a vista panorâmica do litoral é maravilhosa.

Passa por um cenário pitoresco com estradinha de paralelepípedos e pasto com bois.

Praia do Rosa
Iniciamos a trilha depois desta cerca
Praia do Rosa
Estradinha de paralelepípedos
Praia do Rosa
Cenário pitoresco com bois e casinhas de madeira
Praia do Rosa
Vista da praia do Rosa da trilha
Ilha do Batuta
Vista da ilha do Batuta e Praia do Luz

Trilha Praia Vermelha

Liga a Praia do Rosa (norte) a Praia Vermelha. Vale muito a pena fazer essa trilha e no final tomar um banho na pitoresca Praia Vermelha. É um percurso bem fácil, demarcado e bem sinalizado.

Praia Vermelha
Placa na trilha
Trilha Praia Vermelha
Inicio da trilha da praia vermelha na Rosa Norte
Praia Vermelha
Há trechos com plataformas de madeira
Trilhas na Praia do Rosa
Belas paisagens na trilha
Trilhas da Praia do Rosa
Mirante natural no meio da trilha

Trilha da Caranha (Praia do Ouvidor)

Uma das melhores trilhas da região e que consideramos ser de dificuldade média. A Caranha faz a ligação da Praia do Ouvidor com a Praia da Barra.

Recomendamos fazer a trilha partindo da Barra, devido à facilidade de chegar de carro até lá.

Trilha da Guarda do Embaú

Percurso de nível médio que liga a bela Guarda do Embaú a Praia de Cima, passando pelo vale da Utopia. A trilha da Pedra do Urubu fica na mesma região e é mais puxada e recomendada para quem tem melhor preparo físico.

Trilha do Greca

Liga a Praia do Luz ao caminho do Rei. Tem dificuldade moderada devido à distância e passa em sua maior parte pela mata.

+ Encontre seu hotel na Praia do Rosa e garanta os melhores preços!

Trilha do Greca Praia do Rosa
Ar puro e liberdade

Dicas

  • Leve água e algo para comer;
  • Leve um protetor solar e um saquinho para recolher seu lixo;
  • Avise a pousada que vai fazer a trilha no dia;
  • Se possível contrate um guia local para saber um pouco mais sobre a história da região;
  • Use tênis com boa aderência (principalmente se estiver em um dia chuvoso). Calças também são recomendadas dependendo da trilha;
  • Não se arrisque nas encostas. Uma selfie não vale o risco de acidente.

Já contratou o seguro de viagem? Viajar com seguro é essencial! Insira o código DOCVIAGEM5 e ganhe 5% de desconto na escolha do seu seguro pela SegurosPromo.

Aulas de Surf

Quem nunca praticou surf, pode ser contagiado pela magia do Rosa e quem sabe fazer umas aulas por lá. É uma emoção ficar em pé pela primeira vez em uma prancha e se sentir levado pela força das ondas.

No Rosa, você encontrará boas escolas que oferecem o serviço para os iniciantes, incluindo a prancha e a roupa. O curso ensina como remar e como ficar em pé em uma prancha, além de contar com instrutores que acompanham os iniciantes de perto no mar.

E tem mais, os alunos ganham até certificado no final! 😀

Veja abaixo 2 opções para você iniciar no incrível mundo do surf:

Escola de Surf Rosa Norte

Escola de Surf Capitão David

Surf Praia do Rosa
“Surf Praia do Rosa” by Franklin Dattein is licensed under CC BY-NC 2.0
Surf Praia do Rosa
“Surf Praia do Rosa” by Franklin Dattein is licensed under CC BY-NC 2.0

Andar de Stand up paddle (SUP)

Outro esporte aquático muito praticado na região é o SUP (Stand Up Paddle), aquela super prancha remada em pé.

É possível praticar nas várias lagoas que tem na região. A única exigência é ter bastante equilíbrio, pois a pessoa fica em pé em cima de uma prancha e usa um remo para se locomover na água.

Lagoa do Meio (Praia do Rosa)

A Lagoa do Meio é pequena, boa para os iniciantes na prática. É possível fazer a locação do equipamento na RosaSup.

Praia do Rosa
Quiosque da RosaSUP ao lado da lagoa do meio

Lagoa de Ibiraquera (Praia do Luz/Ibiraquera)

A Lagoa de Ibiraquera é maior e garante boas horas de remadas. A locação pode ser feita no Village do Luz, onde dão uma aula básica para quem nunca remou.

Lagoa de Garopaba (Praia da Ferrugem)

Localizada ao lado da cidade de Garopaba, a lagoa fica em frente a Praia da Ferrugem.

Lagoa de Macac (Praia do Siriu)

As águas claras e calmas da Lagoa de Macac são um convite a prática de SUP.

As duas últimas lagoas, contam com os serviços da Vento Sul, escolinha de surf que oferece locação e aulas de SUP.

Andar de KiteSurf

Para os mais arrojados e com força nos braços, que tal se aventurar em um passeio de kitesurf? Este esporte vem ganhando cada vez mais adeptos pela emoção e liberdade que proporciona – os mais experientes “voam” alto nas manobras.

Para fazer aulas ou alugar o equipamento, indicamos a KiteeSurf, uma turma de vibe altíssima que tem um quiosque na praia de Ibiraquera (norte) e uma loja próximo a lagoa de Ibiraquera (Rua Custódia de Carvalho Ferreira).

Vale lembrar que eles também dão aulas de surf e stand up paddle.

Kitesurf Praia de Ibiraquera
user:dmd, CC BY-SA 2.5, via Wikimedia Commons

Observação de Baleias Franca

É uma emoção sem igual ver uma baleia em seu habitat natural, ainda mais se estiver acompanhada de seus filhotes. É nosso papel zelar pela preservação desses incríveis e dóceis animais para que futuras gerações também possam admirar a sua beleza.

As baleias franca vem até a costa brasileira para a reprodução que ocorre entre os meses de julho a novembro, sendo o período de maior incidência entre 15 de agosto até 15 de outubro.

Confira no link o mapa de avistamentos das últimas 24 horas.

Não deixe de conhecer o centro de visitação localizado na praia de Itapirubá Norte, um dos locais com maior incidência de baleias franca da região.

É possível fazer agendamento pelo site.

Horário de Funcionamento: temporada das baleias (15 de Julho a 30 de Novembro*): terça a domingo, das 9 às 12 horas e das 14 às 17 horas.

Praia do Rosa
“Whale Watching” by Marco Nunes is licensed under CC BY-NC-ND 2.0
Praia do Rosa
“Whale Watching” by Marco Nunes is licensed under CC BY-NC-ND 2.0

Recomendações da APA Baleia Franca

  • Respeite as áreas fechadas à observação embarcada na APA da Baleia Franca (veja mapas junto ao texto da IN);
  • Respeite as distâncias de aproximação embarcada (desligar ou colocar os motores em neutro a 100m);
  • Nunca avance bruscamente na direção das baleias;
  • Nunca se aproxime por detrás das baleias, nem intercepte o seu curso, mantenha-se afastado em posição lateral;
  • Não separe grupos de baleias ou mães de filhotes;
  • Nunca religue os motores sem avistar claramente os animais na superfície;
  • Não faça ruídos desnecessários, nem jogue qualquer objeto na água;
  • Não permaneça junto às baleias por mais de 30 minutos;
  • Nunca nade em direção às baleias, o risco de acidentes é grande;
  • Não sobrevoe as baleias com quaisquer aeronaves a uma altitude inferior a 100m (cem metros) sobre o nível do mar.
Praia do Rosa
Há vários mirantes naturais para observação das baleias

Dunas do Siriu

Somente conhecer as dunas e fazer fotos já vale o passeio, mas para quem tem energia sobrando: que tal praticar sandboard nas areias?

Para chegar lá a opção é ir até o restaurante 4-YOU Estação de SandBoard, de lá você consegue fazer a locação do equipamento e também fazer o lanche para repor a energia perdida para subir as dunas 😀

Dunas do Siriú
Dunas do Siriú que têm 5 km de comprimento e até 30m de altura | Imagem: Paulego, CC BY-SA 4.0, via Wikimedia Commons

Como chegar e circular?

Avião

Basta desembarcar no aeroporto de Florianópolis (Hercílio Luz-FLN) e de lá fazer o translado de ônibus ou de carro até o Rosa. São cerca de 90 km de distância passando pela icônica BR-101, e pegando a saída 273 (placa sentido Garopaba/Araçatuba/Praia do Rosa).

Quando viajamos, a rodovia estava em bom estado de conservação, com pista dupla e canteiro central.

Vai alugar um carro? A nossa parceira RentCars te ajuda a encontrar os melhores preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura.

Aeroporto de Florianópolis
Aeroporto de Florianópolis até Praia do Rosa | Fonte: Google

Ônibus

A logística é mais complicada, pois terá que ir até a rodoviária de Florianópolis (Av. Paulo Fontes, 1101 – Centro) e comprar uma passagem para o local mais próximo do Rosa, que pelo que estudamos seria Garopaba. De lá ainda vão faltar 17 km de distância até a Praia do Rosa e, nessa altura do campeonato, um táxi seria mais do que recomendado.

Uma alternativa ao ônibus seria fazer o transfer com alguma empresa local. É possível cotar os valores no site da BelaTur.

Aqui vai uma dica: reserve a sua passagem com antecedência no site do nosso parceiro ClickBus, a maior plataforma para compra online de passagens de ônibus do Brasil.

Vamos adiante! Nós somos de São Paulo, porém nossa viagem iniciou no aeroporto de Joinville, já que tínhamos como objetivo fazer um tour de carro pela região, passando por Joinville, Blumenau, Floripa e Praia do Rosa.

A nossa opção foi por alugar um carro e achamos que foi bem interessante, pois nos deu autonomia para conhecermos os pontos turísticos mais distantes, além de podermos gerenciar o nosso tempo em cada local.

Garopaba Santa Catarina
A vizinha Garopaba é conhecida como a capital catarinense do surf

Quando ir para a Praia do Rosa?

Assim como em outros destinos de praia, o que importa muito na nossa decisão é a questão do clima nas datas que pretendemos visitar, afinal, quem gosta de pegar chuva ou passar frio no litoral?

Como podem ver na planilha abaixo, o índice pluviométrico é alto e constante ao longo do ano na região, não tendo grande variação entre o mês mais e menos chuvoso. Os meses mais chuvosos e também mais quentes são janeiro e fevereiro.

Para quem curte pegar onda, a indicação é ir no inverno, que é quando o mar fica mais agitado e com ondas mais propicias a prática do surf.

Nós visitamos o Rosa no mês de março e o tempo variou bastante entre dias de sol, chuva e temperatura amena.

Tabela temperatura Praia do Rosa

O que levar para Praia do Rosa?

Como podem ver nas estatísticas de tempo e pluviometria, é sempre uma grande chance de pegar chuva, então é valido ter em mãos uma capa de chuva, além de uma blusa que pode ser leve ou mais pesada dependendo do mês que optar por viajar.

Confira nosso “checklist” de verão, inverno e criança para sua viagem.

Outra dica importante: não se esqueça de levar seu kit farmácia com medicamentos de uso contínuo (se for o caso) e remédios para dor de cabeça, diarreia, gripe e enjoo, além de fitas para curativos de cortes e machucados. (Lembre-se: todo medicamento deve ser prescrito por um médico).

Imbituba - SC
“Imbituba – SC” by Dica Diane is marked with CC PDM 1.0 (vela)

Informações Úteis

  • A voltagem na Praia do Rosa é 220 volts;
  • Todos os estabelecimentos que visitamos aceitaram cartão de crédito;
  • Site oficial do Município de Imbituba;
  • Post atualizado em 14 de setembro de 2021.

Leia mais


E aí? Já esteve na Praia do Rosa? Conte-nos como foi sua experiência!


Esperamos que tenha curtido o post e, se tiver qualquer dúvida sobre a Praia do Rosa, fique à vontade para deixar seu comentário por aqui!

Voltar ao topo


Veja também

Reserve seu hotel aqui!

Planeje sua viagem aqui!
Usando os links dos nossos parceiros, você ajuda o blog com uma pequena comissão e não paga nada a mais por isso. São empresas que confiamos e que utilizamos em todas as nossas viagens. Muito Obrigado!

Documento de Viagem

Documento de Viagem é escrito por Marcelo Nazima, Analista de Sistemas formado pela FATEC, com MBA em Engenharia de Software pela FIAP e por Paula Costa, Pedagoga formada pela UNINOVE, com MBA em Marketing Digital também pela UNINOVE. O casal mora em São Paulo e decidiu criar este blog para compartilhar suas experiências em viagens, bem como inspirar outros viajantes a viajar cada vez mais.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: